Loader Website

Tendências de design UX/UI para 2023

Designpoint.
22 de janeiro de 2023

 

Conheça as nossas previsões de tendências de UX / UI design para este ano.

Em cima do acontecimento

No início de cada ano, a nossa equipa tem por hábito de analisar as últimas tendências em UX/UI Design. O nosso objetivo com isto é:

  1. Manter-nos informados sobre aquilo em que os utilizadores têm demonstrado interesse;
  2. Aprender novas abordagens;
  3. Alinhar os nossos projetos com essas abordagens (sempre que possível). 

Este ano não foi diferente. Exceto que, desta vez, pensámos partilhar com todos os que nos seguem os resultados da nossa investigação. Começámos por cuscar os websites das principais marcas do mundo, como Apple, Microsoft, Toyota, Tesla, McDonald's, e Louis Vuitton. Depois assistimos a vídeos do Youtube e lemos artigos sobre o tema na rede social Medium.

Após essa análise, escolhemos mencionar e aprofundar os temas mais frequentes e aqueles que faziam mais sentido mencionar.

Pronto para novidades fresquinhas? Bora lá.

Gostaríamos de ter esse super poder (ou será que já o temos...?). Como (ainda) não estamos nessa categoria de super heróis - o que podemos fazer é deduzir algumas coisas com base nos dados verificados. Acreditamos firmemente que muitas das tendências listadas terão o lugar de destaque em breve. E nada como estarmos preparados!

Tendências de UI

  1. Scrollytelling
  2. Novo Minimalismo
  3. Temas sombrios
Scrollytelling

Proporcionar uma experiência imersiva aos users é o objetivo para que todos os programadores estão a apontar de momento. O truque aqui não é sobrecarregar os utilizadores/visitantes com informação ou imagens irrelevantes. Apresentar apenas o crucial. O uso de fonts de tamanho grande vai reinar. O uso de H1 a H3. A tipografia ajuda a suportar o efeito do conteúdo digital, mas será suficiente?

Como fazer o scrollytelling? Comecemos por definir o termo buzz deste ano. Este termo é uma combinação de duas palavras diferentes: scrolling + storytelling. Basicamente, é quando se apresenta uma história - ou algo visual - ao longo do scroll.

Este formato é utilizado em conteúdos de formato longo e faz com que os users/visitantes se sintam parte da história visual. É uma forma de mostrar o conteúdo de uma forma mais estratégica e narrativa. Quer fazer cócegas na curiosidade dos seus clientes? Tem de os fazer querer interagir com o seu conteúdo. Aqui estão as nossas sugestões:

  • Elementos divertidos de chamada à ação (CTA)
  • Colocação diferente de navegação
  • Animações fora da caixa
  • Elementos dinâmicos que acompanham outros equipamentos estáticos

O scrolling melhora a tomada de decisões com base na reflexão cognitiva. Esta estratégia faz com que o layout do design funcione de forma subconsciente e consciente nas pessoas. 

Porquê o scrollytelling:

  1. As pessoas passarão mais tempo na sua aplicação/website, uma vez que tem algo interessante com que interagir;
  2. Apresenta uma forma emocionante de absorver informação;
  3. Estimula mais do que um sentido: tocar - ao rolar e clicar. Visão - através do movimento e das animações;  

See this example from Susanne Fellner

O Novo Minimalismo

Este é o derradeiro exemplo de que "menos é mais". O minimalismo é popular porque pode tornar os seus designs mais simples, mais fáceis de usar e mais gratificantes... E quem não pretende isso?! Além desses benefícios, também é rápido de carregar, fácil de usar e de manter. 

O Novo Minimalismo centra-se em objetos funcionais sem elementos irrelevantes, espaço negativo desobstruído, elementos e padrões flat, navegação intuitiva e paletas de cores limitadas. 

Se queres acertar neste estilo, basta seguir os seus princípios: 

1. Guiar os Utilizadores com Elementos Visuais Formais

Os componentes formais, como uma font, cor, disposição e imagens, devem ser mais do que apenas esteticamente agradáveis. Devem cumprir uma função tal como comunicar o significado pretendido ou dirigir o olhar para uma CTA.

2. Encontrar um Equilíbrio entre Estética e Praticidade

A utilização de um grande número de gráficos, animações, ou vídeos pode funcionar contra si e não a seu favor. Se a sua página está a demorar muito tempo a carregar, os utilizadores podem cansar-se de esperar e simplesmente, fechar.

3. Alavancar o Poder do Espaço Negativo

O espaço que existe entre os vários elementos de um ecrã é referido como "espaço negativo", e serve para enfatizar o conteúdo. É sem dúvida um dos elementos mais poderosos do design minimalista.

4. Reduzir o Número de Opções na Página

As pessoas podem sentir-se sobrecarregadas com um número excessivo de opções e uma quantidade extrema de informação se recebidas de uma só vez. Certifique-se de que tem cuidado ao selecionar os elementos visuais e os componentes que aparecem em cada página.O próximo exemplo é da autoria de Daria Kravets

Temas escuros

Uma grande percentagem de pessoas emprega o tema escuro quando utiliza os seus dispositivos porque aumenta a duração da bateria dos dispositivos e porque requer menos esforço / é mais leve para a nossa visão (por estar menos saturado). 

Além disso, os especialistas sugerem que se ligue o tema escuro à noite antes de dormir para melhorar a qualidade do sonho e adormecer mais rapidamente (ninguém gosta de sentir que tem uma lanterna apontada à sua cara à noite, não é?).

O modo escuro, ou modo anti-luz, é uma tendência de design gráfico que coloca verdadeiramente o bem-estar dos utilizadores em primeiro lugar (de uma forma física e prática). Muitas empresas já implementaram esta característica nos seus designs. Outras oferecem-se para selecionar um design de tema escuro/noturno para que os utilizadores obtenham a interface mais apelativa. 

De que equipa é? Modo claro ou no modo escuro? Depende? Vejamos o examplo de Den Klenkov 

Tendências de UX Design
  1. Design orientado por Inteligência Artificial (AI)
  2. Acessibilidade
  3. Incorporar a Realidade Aumentada (AR) na vida quotidiana
Ferramentas AI como aliado

Estas ferramentas de IA podem tornar-se as melhores do novo designer UX. Estas estão focadas:

  1. Texto-para-imagem (Dall-E 2
  2. Geração de copy (Jasper ou Copy.ai)

Estes podem ajudá-lo a automatizar as suas tarefas ou a fazê-las de forma mais eficiente. Imagine uma ferramenta de IA que o pode ajudar a criar os melhores wireframes ou a melhor arquitetura de informação baseada nas melhores práticas da Internet. Ou então, uma que lhe permita aceder a insights resultantes de grandes conjuntos de dados que o ajudariam na pesquisa de utilizadores…

Acessibilidade

A usabilidade é para todos! A experiência do utilizador deve ser centrada na acessibilidade. Todos os clientes devem ser capazes de navegar facilmente no seu site e ter uma experiência global positiva, não concorda? O tempo para aumentar a acessibilidade é o agora. Aqui estão algumas ideias sobre como fazer isso:

Pesquisa por voz

Esta pode ser uma grande ferramenta que ajuda os utilizadores com deficiência visual a navegar facilmente no seu site/app. Em vez de digitar na barra de pesquisa, os utilizadores podem rapidamente falar no dispositivo e pesquisar dessa foorma. Esta integração de voz é uma das melhores formas de aumentar a acessibilidade porque permite uma experiência de utilizador hands-free.

Design mobile em 1º

Hoje em dia, cada vez mais pessoas realizam as suas pesquisas a partir dos seus telemóveis. A construção de um website que dê prioridade aos utilizadores que o vejam a partir de um dispositivo móvel como um smartphone ou um tablet é uma jogada inteligente.

Image
RA na vida quotidiana

A tecnologia nunca foi tão palpável como neste momento! O que pode ser mais divertido e atrativo para os utilizadores do que brincar com objetos digitais no mundo real? Muitas empresas superam os seus concorrentes criando produtos que oferecem estas experiências de interface que vão para além do ecrã. Será que se vai integrar nesta tendência?

Veja este magnífico trabalho de Max Gedrovich.

Que tendências pensa que irão surgir ou reaparecer? Que tendências vão desaparecer? Esteja à vontade para deixar os seus comentários!

Obrigado por ler!

Partilha
Artigos em destaque
A Codepoint ajudou-me a implementar a minha visão pessoal
Outsourcing: uma solução viável para a sua empresa?
Empatia na criação de produtos
Footer logo
Utilizamos cookies próprios para lhe oferecer uma melhor experiência. Para saber que cookies usamos e como os desativar, leia a política de cookies. Ao ignorar ou fechar esta mensagem, e exceto se tiver desativado as cookies, está a concordar com o seu uso neste dispositivo.